Mais de 200 profissionais participam de Fórum de Enfrentamento da Aids em Oeiras

Oeiras sediou nesta quarta-feira, 06, o 1° Fórum de Enfrentamento da Aids no Território Vale do Canindé. Promovido pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde, o evento foi organizado pelo Centro de Testagem e Aconselhamento e Serviço de Assistência Especializada em IST/AIDS e Hepatites Virais – CTA/SAE e reuniu representantes de dez municípios – Floriano, Colônia do Piauí, Bela Vista do Piauí, Simplício Mendes, Cajazeiras, Isaías Coelho, Piripiri, Santo Inácio e Santa Rosa, além de Oeiras.

A secretária municipal de Saúde, Auridene Freitas, lembra que esta é a primeira vez que o Fórum é descentralizado entre os territórios piauienses. “É importante destacar que este é o primeiro Fórum descentralizado dos 11 territórios de saúde existentes no Piauí. Nós somos pioneiros, estamos dando o primeiro passo nesse processo de descentralização, para que estes fóruns aconteçam posteriormente em outras regiões. Isso é muito gratificante e nos mostra que as ações estão realmente acontecendo, de forma alinhada, bem articulada, mostrando o compromisso da gestão municipal”, argumenta a secretária.

Mais de 200 profissionais de saúde participaram do evento, que marca também o aniversário de um ano de atividades do CTA/SAE de Oeiras, órgão inaugurado no final de 2016. “Hoje oferecemos dentro do CTA de Oeiras, que atende o território Vale do Canindé, todos os serviços preconizados de acordo com a portaria do Ministério da Saúde”, acrescenta.

Dentro do evento foram debatidas diversas temáticas relacionadas ao combate do HIV/Aids. Os temas – Perfil epidemiológico da AIDS no Estado do Piauí, Importância dos CTAs no Brasil sob a ótica da Prevenção Combinada e Importância da Prevenção Combinada (PEP) no enfrentamento do HIV/Aids – foram mediados por profissionais da área técnica da Secretaria de Estado da Saúde (Sesapi).

Dados da Sesapi apontam que Oeiras ocupa o 7° lugar no ranking dos municípios piauienses com mais registros de casos de Aids. “É um evento de grande importância para o território Vale do Canindé e Oeiras, por ser o município que sedia, abraçou a causa. É um dos municípios que tem o maior número de caso de Aids. Ano passado abriu o CTA/SAE, que é um serviço de referência e no intervalo de apenas um ano avançou tanto que está sediando este Fórum, que este momento com todo os profissionais, não só da saúde, mas todos os envolvidos na temática de enfrentamento da Aids e trouxe para o território um treinamento de profilaxia para médicos e enfermeiros. Então, é um grande momento para atualização dos profissionais e para o enfrentamento do HIV/Aids no Estado”, comenta Karinna Amorim, coordenadora de Doenças Transmissíveis da Sesapi.

Dezembro Vermelho

O 1° Fórum de Enfrentamento da Aids no Território Vale do Canindé integra a programação do Dezembro Vermelho, mobilização nacional que tem o intuito de chamar atenção para as medidas de prevenção, assistência, proteção e promoção dos direitos humanos das pessoas que vivem com HIV/Aids.

“Neste mês intensificamos as ações voltadas à prevenção de doenças sexualmente transmissíveis e HIV/AIDS. Temos uma programação bastante intensa, desde 1° de dezembro, quando iniciamos as ações no Mercado Municipal, oferecendo vários tipos de testes rápidos (Sífilis, HIV e Hepatites B e C), fizemos orientações e tivemos uma participação muito impactante do público que lá estava”, destaca Auridene Freitas, lembrando que, ao longo de todo o mês de dezembro, as Unidades Básicas do Saúde (UBSs) do município estarão oferecendo os teste rápidos para a população.

Junto com o Fórum também aconteceu o 5° Encontro dos CTA/SAE do Estado do Piauí, reunindo mais de 50 profissionais de saúde de diversos municípios.

Você pode gostar...