Inaugurada em Oeiras a primeira Casa da Merenda do Piauí

Foi inaugurada na manhã desta quinta-feira, 03, em Oeiras, a Casa da Merenda. Implantada pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Educação, a instituição vai funcionar como uma central de distribuição de merenda escolar e para treinamento e atualização dos profissionais envolvidos na confecção dos alimentos servidos nas escolas da rede municipal de ensino.

A inauguração contou com a presença do bispo da Diocese de Oeiras, Dom Edilson Nobre, que celebrou uma missa e realizou um ritual de bênção no local; a cerimônia também teve a participação do prefeito José Raimundo, de secretários municipais e de servidores da rede municipal de Educação.

Situada no Bairro Canela, onde funcionava a escola “Francisquinha Martins”, a Casa da Merenda conta com um amplo depósito para armazenamento de mantimentos, sala de nutrição, sala para recepcionar fornecedores e agricultores familiares – 30% da merenda escolar é oriunda da agricultura familiar –, sala de refrigeração; uma cozinha experimental, dotada de modernos instrumentos culinários e um auditório, que recebeu o nome da professora Conceição Lima Verde da Silva Coelho, servidora da rede municipal, falecida em 2010.

Segundo o prefeito José Raimundo, a Casa da Merenda de Oeiras é a primeira instituição deste segmento no Piauí. “Vimos a necessidade de ter um espaço mais adequado para acondicionar a merenda, no entanto, quando chegamos à escola vimos que poderia ser algo mais: e hoje transformamos este espaço na Casa da Merenda, que dispõe de várias dependências, entre elas, um auditório e uma cozinha experimental”, comenta o prefeito.

“O auditório será usado para que a equipe de nutricionistas do município possa fazer o treinamento com aqueles colaboradores que trabalham com a merenda escolar, no que diz respeito ao manuseio e processamento dos alimentos, para que se processe com melhor qualidade e com menos desperdício. Na cozinha experimental, a equipe de nutricionistas poderá desenvolver pratos com melhor qualidade, valor nutricional satisfatório e com menor custo para o município. Teremos momentos de trazer os alunos para a Casa para experimentar a merenda. Se for aprovada, colocaremos o trabalho feito na cozinha experimental em toda a rede de ensino”, amplia Zé Raimundo.

A secretária municipal de Educação, Tiana Tapety, argumenta que a criação da Casa da Merenda vai contribuir para o processo de aprendizagem nas escolas da rede. “A Casa da Merenda é um ganho para a educação do município de Oeiras. Temos aqui uma central de distribuição mais organizada para a merenda escolar, para os alimentos das crianças e para que possamos trabalhar atendendo as necessidades nutricionais que o desenvolvimento infantil requer. Uma criança bem alimentada, bem nutrida aprende mais, absorve melhor os conhecimentos e tem um poder de aprendizagem muito mais denso e concreto”, avalia a gestora.

“Esta é a primeira casa que temos conhecimento no território Vale do Canindé, quiçá do Estado do Piauí, pensada exatamente para esta finalidade. Temos um depósito organizado, atendendo todas as exigências da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), temos a sala de nutrição, sala do agricultor familiar, uma cozinha dotada de todos os equipamentos necessários para manipulação dos alimentos, um auditório que possibilita a formação das pessoas que fazem o preparo e manipulação dos alimentos nas escolas, sala de refrigeração que permite o acondicionamento apropriado dos alimentos. É um espaço para acolher melhor fornecedores, agricultores familiares, pensando no ensino-aprendizagem. A Casa da Merenda é mais uma ferramenta que vai favorecer o lado pedagógico, pois uma criança bem alimentada é uma tem melhor rendimento, mais concentração”, demonstra a secretária, acrescentando que a Casa também serve como laboratório para elaboração de alternativas de alimentação saudável para a merenda escolar da rede municipal.

Você pode gostar...